quarta-feira, 19 de junho de 2013

Tentativa e erro

Em nossa sociedade o ato de errar é muito repreendido pelas pessoas, como se o tentar e errar fosse um dos maiores pecados a se cometer.
Nós seres humanos somos falhos e passíveis ao erro, porque vamos evoluindo e aprendendo com o tempo, através das experiências adquiridas e vivências.
E como isso ocorre? Por meio dos sucessos e também dos fracassos. Onde temos a oportunidade de revisitar nossa prática e visualizar potenciais e fraquezas.

Daí a importância do tentar, errar, observar, corrigir e tentar novamente. Isso é processo de amadurecimento:


Método da tentativa e erro:
Método - Organizar do pensamento

"Esse método incentiva nossa disponibilidade interna de arriscar-se e de considerar o erro como possibilidade de aprendizagem".

Etapas:
- Tentativa (arriscar-se para iniciar um movimento);
- Cometer um erro;
- Corrigir um erro (observar e  avaliar onde e como se errou);
-  Tentar novamente (já corrigindo o erro cometido anteriormente).

Em que situações de nossas vidas podemos (ou devemos) utilizar desse método?





Nenhum comentário:

Postar um comentário