sexta-feira, 30 de março de 2012

"A pobreza não é uma aberração cultural ou uma falha de caráter, como a "cultura da pobreza" sustentou. A pobreza é a falta de dinheiro."

BARBARA EHRENREICH

O que foi/é a cultura da pobreza?
Foi algo idealizado por um escritor Norte Americano acerca do "perfil" dos pobres norte-americanos, como sendo pessoas sendo cultura, sem valores, sem ambições, ou seja, sem ideais.
Esse pensamento se enraizou na mente das classes médias em todo mundo e é a motivação dos preconceitos entre classes.
E daí gera-se outros tipos de preconceitos: inter-raciais/xenofobia (como o que ocorreu à pouco na França).

A frase acima de Barbara Ehrenreich é de minha extrema concordância. Dar-se justificativa acerca da existência desses "párias" da sociedade, como "escolha" de vida e não como consequência econômica do Capitalismo (como o desemprego), é subestimar a inteligência do povo, incluindo a dos pobres, porque sim, eles/nós pensam(os)!

Nenhum comentário:

Postar um comentário